28 dezembro 2008

São Silvestre Porto (4)


24 horas depois da bátega que se abateu sobre Gaia e Porto marquei presença na 15ª Super São Silvestre do Porto (n.d.b.: o super fui eu que acrescentei)!!

Encontrei novamente o João Meixedo e também tive oportunidade de conhecer pessoalmente o Miguel Paiva. Soube entretanto que também veio ao Porto o Luís Mota que infelizmente não vi, assim como o Fernando Andrade. Para eles um abraço!

Esperava mais de mim nesta prova, mas pude comprovar que o grau de dificuldade é efectivamente elevado.
É claro que fui "guloso" ao querer participar em duas provas seguidas, mas não acredito que conseguisse ter feito melhor se tivesse participado em apenas uma delas.

As subidas da Rua Sá da Bandeira e Santa Catarina são "puxadas" pelo que tentei empregar a táctica de ir calmo na primeira volta e arriscar na segunda...
Contudo na segunda volta só conseguia imprimir ritmos fortes durante 50 ou 100 metros
seguidos, ou seja, tinha de logo de "baixar uma mudança" para retomar, pelo que a táctica acabou por sair furada (ou talvez não porque o mais certo era ter dado o estouro).

De acordo com os Resultados posicionei-me em 469º com 45m33s (no meu cronómetro marquei 45m31s) , ou seja, muito abaixo do 42m40s oficiosos conseguidos em Paranhos.

De qualquer forma fiquei satisfeito e motivado para continuar!

Fantástico o público a apoiar durante quase todo o percurso e emocionante correr por um túnel de pessoas quase na parte final (acho que nessa fase só passavam dois ou três corredores lado a lado).

Quanto à organização foi impecável à excepção da falta de placas sinalizadoras de Km que acho que não dão assim tanto trabalho quanto isso... De resto tudo excelente!

Para a semana há mais!

27 dezembro 2008

São Silvestre Gaia 2008 (2)

Antes de mais quero dar os parabéns a todos os atletas que participaram nesta São Silvestre!
As condições meteorológicas convidavam a um fim de tarde no sofá junto à lareira, mas umas centenas de pessoas (atletas e população) desafiaram o frio e a chuva para marcarem presença nesta 6ª edição da São Silvestre de Gaia!

Quanto à prova aproveitei para ganhar mais alguma experiência de participação nestes eventos populares e também para aprender a não descuidar pormenores importantes que vou detalhar adiante.

Como a prova decorria a aprox. 1,5Km de minha casa apenas fui levantar o dorsal por volta das 4h da tarde. Estava frio mas não chovia e se assim se mantivesse já seria excelente...
Entretanto volto para casa e começa uma chuva fraquinha, pelo que decidi levar um corta-vento(impermeável) que normalmente uso nos treinos e que embora tenha ajudado a manter-me seco durante algum tempo me acabou também por atrapalhar o regresso com o capuz a encher-se de vento.

Fiz o aquecimento partindo de casa e cheguei à Ribeira de Gaia por volta das 16.50, confiando que a prova começava às 17h, mas havia ainda a São Silvestre da Pequenada (600m) que dado o mau tempo apenas teve 4 participantes(!!!)!

Aprovetei para continuar o aquecimento (a temperatura não convidava nada a estar parado) e acabei por encontrar o nosso camarada e amigo blogger João Meixedo ao qual me juntei durante resto do warming up.

Nesta fase a chuva já não dava tréguas e acabamos até por aquecer no parque de estacionamento do Cais de Gaia juntamente com a maior parte dos atletas!

Trocamos algumas impressões e acabamos por ficar de combinar alguns treinos conjuntos. Na prova de hoje percebi que o João não ia apostar forte e o meu objectivo era baixar os 43 min, pelo que separamo-nos após o tiro de partida.

Lição nº1: Se quisermos sair forte tentar garantir um lugar próximo da frente do pelotão.
Não que houvesse muita gente (amanhã no Porto é que vai ser), mas o facto de termos de controlar o passo, ter cuidado para não tropeçar em ninguém, ultrapassar, etc. já faz perder alguns segundos.

Lição nº2: apertar sempre bem os atacadores
Tive de parar duas vezes para apertar os atacadores e fiz o último Km com o mesmo atacador desapertado e praticamente a "segurar" a sapatilha. Aqui os facto das sapatilhas estarem molhadas deve ter influenciado, mas de qualquer forma é tão rídiculo com levar o chip no bolso.

Lição nº3: fazer a dança do sol antes de cada prova,
Nas provas onde entrei até agora, recordo-me que nos dias anteriores esteve sempre tempo muito instável, mas no dia das provas o sol brilhou sempre! Desta vez foi ao contrário e para valer...
C-H-U-V-A TIPO CASCALHO a corrida toda! Eu só pensava nos amigos brasileiros a chingarem o calor!
Se para lá o vento ajudou (o percurso era um circuito de ida-volta) no retorno foi para mim um poderoso inimigo (lol , que tragédia).Ou seja, os dois elementos hoje desabaram sobre gaia.

Passei aos 5Km com 21m40s o que já indicava que seria dificil baixar os 43m. Uns metros atrás no controlo, e para cúmulo, deixei cair o elástico que entregavam e lá tive eu de parar mais uns instantes para apanhar o dito...(mais uma na ferradura)!

A partir do 9ºkm acelerei ligeiramente mas as poças de agua no paralelo (e o dito atacador desapertado) não me deixaram fazer melhor! (é claro que este parágrafo é nitidamente uma desculpa por ter sido espectacularmente ultrapassado por um Leão de Kantaoui nos metros finais que fez a prova num ritmo muito bom!).

Resumindo e concluindo: 44m32s o que acabou até por ser positivo face às vicissitudes enunciadas (ah poeta) com direito a chá e bolo rei no final, além da medalha que neste caso foi um bonito azulejo cuja foto podem ver abaixo.



Resultados oficiais no blog Correr Por Prazer!

Até amanhã na São Silvestre do Porto onde sinceramente espero que o São Pedro dê uma ajudinha ao São Silvestre e que pelo menos não chova!

26 dezembro 2008

Treinos e prognósticos

Apesar de ter tido os últimos dias livres os afazeres natalícios não me permitiram treinar como gostaria, ou seja, dedicar tempo efectivo ao treino.
É fundamental termos um ambiente calmo à nossa volta, ou seja, poder ir correr sem ter outros compromissos, mas isso infelizmente só está ao alcance dos profissionais.

Por isso, não sei o que esperar das provas deste fim-de-semana, embora na prática saiba antecipadamente que vai prevalecer o chamado split negativo, ou se quiserem , como li no outro dia num blog (não me lembro qual), “a largada da boiada”.

De qualquer forma amanhã (em Gaia) o objectivo vai ser tentar baixar os 43 min, por isso se tiver que esticar o passo nos últimos Kms lá terá que ser, embora desta vez não tenha descidas para ajudar o passo.

Bem, prognósticos, prognósticos, só no fim do jogo! :)

É preciso ter sorte!

Previsão de 7 graus negativos segundo esta notícia do JN!

No Porto não vai fazer tanto frio, mas se chover vai ser complicado...

Quem vir o sol que está agora só pode dizer que esta malta da meteorologia está enganada! Espero que sim!

25 dezembro 2008

São Silvestre Valongo/Ermesinde

Espero que todos tenham tido um Feliz Natal!

É um lugar-comum, mas acho que desde que haja saúde o resto vem mesmo por acréscimo e é claro que se vierem umas prendas no sapatinho então é perfeito!

Mas este post é mesmo sobre a São Silvestre de Valongo/Ermesinde, uma prova de 10,5 Km (aqui os 500 metros é que estragam a média).
Ainda não sei se vou porque quero ver se sobrevivo às de Gaia e Porto! :)

Mais info no site da Câmara de Valongo!

20 dezembro 2008

António Pinto

Confesso que até há poucos meses atrás desconhecia quem era o recordista português da Maratona!
Se perguntar a qualquer pessoa ou mesmo a qualçquer corredor português quem é o detentor da marca a resposta mais que provável será talvez Carlos Lopes!

O extraordinário é que o mesmo atleta detém também o record dos 5000m, 10.000m!

5000 METROS António Pinto 13,02m 12 Agosto 98 Zurique
10000 METROS António Pinto 27,12m 30 Julho 99 Estocolmo
MARATONA António Pinto 2,06,36h 16 Abril 00 Londres

Procurando por informação sobre António Pinto apenas se encontra uma pequena página na Wikipedia que não honra a grandeza do atleta, um artigo no Jogo e uma entrevista incompleta.
Não que ele precise, mas que ao menos fique também aqui registada a minha admiração!

19 dezembro 2008

10KM

O meu percurso de treino favorito (Ponte D.Luís - Cabedelo - Ponte D.Luís) tem aproximadamente 10KM, pelo que a maior parte dos meus treinos até à data têm sido desta distância com um pace variável.

O certo é que depois da Volta a Paranhos fiquei a gostar especialmente da distância. Gostei tanto que dentro de aproximadamente 8 dias vou mesmo correr duas São Silvestre (Gaia no dia 27 e Porto no dia 28) de 10KM.

O objectivo é baixar os 43 minutos, sendo que estou um pouco indeciso em qual delas devo apostar? Se por um lado a edição de Gaia terá menos gente e logo permitirá evitar a perda de tempo decorrente da confusão da partida, por outro a do Porto tem partes do percurso em que se desce bastante e logo permitirá fazer metade do percurso com uma média por KM muito boa (embora não arrisque dizer quanto).

De qualquer forma uma coisa é certa: nos dois casos vai ser uma festa de corrida! E se gostar sou mesmo capaz de ir atrás do Karnazes da loja dos 300! :)

18 dezembro 2008

Desabafo

Ah se eu pudesse trocar o tempinho que passo em frente ao computador por uma maratonazinha a trote...

Prémio Run Blogosfera

Está a decorrer a primeira edição do Prémio Run Blogosfera que visa distinguir os 10 melhores blogs sobre corrida de 2008.
A organização está a cargo dos nosso amigos Bruno Thomaz e Jorge Cerqueira aos quais eu atribuiria dois dos galardões de imediato! :)

As regras são simples e a votação inicia-se já no dia 20 de Dezembro!Visitem já!

Prémio Dardos


A Stéphanie nomeou este humilde blog para o Prémio Dardos cujo objectivo é :

"...reconhecer os valores que cada blogueiro emprega ao transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc. que, em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre suas letras, entre suas palavras. Esses selos foram criados com a intenção de promover a confraternização entre os blogueiros, uma forma de demonstrar carinho e reconhecimento por um trabalho que agregue valor à Web."

As regras para receber o prêmio:
1) Exibir a imagem do selo;
2) Linkar o blog pelo qual você recebeu a indicação;
3) Escolher 15 outros blogs a quem entregar o Prêmio Dardos;

Aqui vai a minha selecção:

Borboletas e Malmequeres - Mariana Mota
Maratonista - Miguel PaivaLeões de Kantaoui - João Meixedo
Tomar a Corrida - Luís Mota
Palavras de Corredor - António Almeida
Cidadão de Corrida - Fernando Andrade
Triblog - Rodrigo Flores
Pernas para que te quero - José Capela
Maria sem frio nem casa - Ana Pereira
Manutenção de Alta Competição - Ricardo Francisco
Running Girl - Sandra PartridgeJust Run - Luciane
Run for Free - Ricardo Hoffmann
Corretor Corredor - Maurão
Vou e Volto Correndo - Wladimir Azevedo
A corrida mudou minha vida! - Fabiana
Looping Infinito - Marco Sanches
Pod Correr - Francisco Fortes e Thyago Carvalho

13 dezembro 2008

São Silvestre Gaia 2008

Tem lugar no dia 27/12 às 17h e inicia-se junto ao largo da Sandeman.

Percurso da S. Silvestre: 10 Km
partida na avª Diogo Leite (junto ao Largo do Sandeman)
em direcção a Canidelo, Avenida Ramos Pinto, Largo da Cruz
Rua Cais de Gaia, Rua Cais Capelo Ivens, Rua do Cavaco,
Rua Cais do Lugan, Rua da Praia, S. Pedro da Afurada, Avª
Afonso de Albuquerque, Rotunda do Linho retorno- Avª Afonso
de Albuquerque, S. Pedro da Afurada da Praia, Rua da Praia
rua Cais do Lugan, Rua do Cavaco, Rua Cais Capelo Ivans, Rua
Cais de Gaia, Largo da Cruz, Avenida Ramos Pinto, Avª Diogo
Leite - Meta

Mais informações sobre a prova e como efectuar a inscrição aqui.

Bons treinos!

11 dezembro 2008

Fotos 51ª Volta a Paranhos (2)

Encontrei mais esta foto a cortar a meta depois de um sprint final e depois de subir a R. Manuel Laranjeira (uff). Vou considerar o meu tempo de 43m 00s tendo em conta as marcas dos dorsais 166 e 308.


P.S: Desculpem voltar sempre a este tema, mas fiquei mesmo aborrecido com este assunto.Enviei um mail para a Organização que me indicou apenas terem leitura do meu chip aos 5Km, mas não poderem fazer nada (obviamente)! Serviu de lição!

10 dezembro 2008

Fotos 51ª Volta a Paranhos


NoS albúns PICASA de Manuel Cruz e também de Jorge Correia Dias estão publicadas fotografias da Volta a Paranhos e podem-se encontrar alguns registos fotográficos verdadeiramente magníficos!

Parabéns e obrigado a ambos por partilharem o seu trabalho!



Lembro-me de na corrida ir sempre próximo do camarada com o dorsal 731 (eu sou o 834 em primeiro plano nesta foto) que fez 42m 11s, por isso o meu tempo bate mais ou menos certo. Faço questão de tentar pôr isto oficial já na São Silvestre de Gaia que é mais propícia a recordes (digo eu).
Meixedo conta comigo na de Gaia também! (nas de Sto Tirso e Ermesinde estou fora)!

09 dezembro 2008

Resultados 51ª Volta a Paranhos

Os resultados estão colocados na página do Clube Spiridon Gaia, mas estou desolado...porque o meu nome não consta...
O chip não funcionou, possivelmente por estar em contacto com a chave do carro (transportei o chip nos calções em vez de o atar aos cordões das sapatilhas por inexperiência pura) ou porque durante o aquecimento passei duas ou três vezes pelo pórtico de partida...sei lá...

Realmente ao passar por um controlo na Rua S. Dinis pareceu-me que a sinalização foi diferente da dos restantes atletas que passaram comigo, mas na altura pensei que fosse impressão minha.

Pelos vistos não contou mesmo...raios...

08 dezembro 2008

51ª Volta a Paranhos (3)

Foi a minha primeira prova de 10Km e como tal só poderia resultar numa melhor marca!

Já aqui tinha dito que qualquer tempo abaixo do 45 minutos seria muito bom, por isso é natural que tenha ficado contente com a marca atingida: 42m40s , mas com a sensação de saber que até podia ter forçado um pouco mais, porque eram 10km...
´
Esta marca foi a cronometrada por mim no meu relógio, mas espero ainda ver em que local é que vão ser colocados os resultados e quando. Estou com algum receio que o chip não tenha funcionado bem, porque o transportei no bolso dos calções junto à chave do carro, mas vamos esperar que não tenha falhado

Nota positiva para a organização, para o apoio do público durante o percurso e para os atletas que compareceram num número bastante razoável (cerca de 1500).

(em actualização...)

07 dezembro 2008

Dorsal e Percurso da 51a Volta a Paranhos

Acabei de levantar o dorsal da Volta a Paranhos e cá está ele:


O percurso já pude ver que é mais ou menos este e parece-me mais acessível que o da São Silvestre (até coincide na Rua da Constituição), mas só depois de correr é que posso falar.
Até amanhã !

05 dezembro 2008

51ª Volta a Paranhos

4a feira, quase em cima da data limite, lá consegui completar a minha inscrição na 51ª Volta a Paranhos o que vai representar a minha estreia nesta mítica prova comemorativa do 97º ano do Glorioso Salgueiral.

Acho que ficarei contente se completar os 10Km da prova em menos 50 minutos e radiante se completar abaixo do 45 minutos.
É certo que completei os 14Km da Family Race em 1.04h, mas beneficiei de aprox. 5 quilómetros a descer da Avenida da Boavista, embora também o tenha feito com poucos treinos.

Apesar de não conhecer o percurso da Volta a paranhos julgo existirem bastantes subidas e descidas o que pode dificultar a prestação, mas espero apenas que a meteorologia ajude no dia 8/12.

Abraço a todos

Lisboa

Este dois últimos dias tive oportunidade de treinar em Lisboa, mais exactamente no Parque das Nações, entre o Oceanário e o Rio Trancão. A hora de treino foi sempre entre as 18.30-20h e sempre com a chuva como companheira.
Ao contrário do que estava â espera face à proximidade da Maratona de Lisboa e também contrariamente ao que acontecia nos meses de Verão, em que o percurso estava repleto de corredores, só me cruzei com cinco ou seis pessoas!!
O facto de a data estar próxima já motiva possivelmente que muitos atletas estejam já em repouso activo e também é verdade que a chuva não ajuda! Ao menos o frio desapareceu com a chegada da chuva o que me permitiu que a molha fosse mais fácil de suportar.

Quanto aos treinos propriamente ditos foram cada um de 8km a uma média de 5km/min o que até foi satisfatório tendo em conta que correr em piso empedrado molhado, terra batida com muitas poças, madeira molhada,etc. exige cuidados redobrados de modo a evitar as desagradáveis quedas!
No final e como indicador relativamente ao meu estado de forma pude constatar uma evidência assinalável relativamente aos treinos que aqui fazia no Verão (Agosto). Ao chegar ao Hotel opto sempre por subir as escadas em corrida (trote), mas enquanto há 4 meses chegava ao 3º piso e já ia a passo , neste momento já consigo chegar ao 7º piso sem dificuldades de maior. Pode parecer rídiculo, mas estes pequenos avanços são demonstrativos.

Bons treinos para todos e BOA SORTE para aqueles que vão cumprir a Maratona e 1/2 Maratona de Lisboa! FORÇA !